Como escolher um smartphone de acordo com suas necessidades

Escolher um smartphone é um processo trabalhoso. Entretanto, este artigo da Cidades N irá te dar alguns métodos para comprar um smartphone de acordo com suas necessidades

Com uma tecnologia que se inova a cada dia, praticamente todo mês surge um novo smartphone com recursos atualizados e muito mais potentes que seus antecessores.

Por isso, comprar um smartphone que se adapta melhor às suas necessidades e seu orçamento pode ser um processo demorado. Se você quer se aprofundar na parte técnica de celulares, sugerimos um bom curso de conserto de celular.

Escolha um bom sistema operacional

Todos sabem que há dois sistemas operacionais principais no mercado: Android e iOS.

Estes dois sistemas operacionais são amigáveis aos usuários e suportam uma ampla gama de aplicativos e jogos.

iOS é basicamente para iPhones e ferramentas relacionadas a empresa Apple, enquanto Android está trabalhando em todos os smartphones, além de iPhones.

Você tem que preferir a versão do sistema operacional que você pode usar com base em suas necessidades e dinheiro também.

Isto porque o sistema operacional iOS só funciona com iPhones da Apple, que não são acessíveis a todos.

O mercado Android vem com uma ampla gama de smartphones em diferentes faixas de preço. E também oferece mais opções para a personalização do dispositivo. Além disso, oferece um excelente conjunto de serviços do Google e aplicativos são incorporados.

Quais configurações você precisa?

Depois de selecionar a plataforma de Sistema Operacional, para o seu próximo smartphone, vamos analisar os recursos que você precisa em seu dispositivo.

Design

Ao procurar o próximo smartphone, certifique-se de que o smartphone que você selecionou, é confortável em suas mãos.

Depois disso, verifique a posição do sensor de impressões digitais para verificar o seu conforto com ele.

Qualidade de Câmera

Se você é viciado em selfie, ou tem fotografia como hobby, teste a câmera do smartphone para ver a compatibilidade para sua escolha.

Nem sempre é preciso tantos megapixels para ter um melhor resultado.

Alguns podem fornecer uma imagem superior, mesmo megapixels inferior a outros modelos e vice-versa.

Tecnologia da bateria

Se você está super ocupado com o seu smartphone, quer com conversa ou por ligar, em seguida, verifique se a vida das baterias é um passo perfeito para você.

A bateria removível raramente é encontrada em smartphones hoje em dia, o que é uma pena, porque é mais fácil trocar a bateria do que o smartphone inteiro.

Armazenamento

Armazenar músicas, vídeos, conversas no WhatsApp é importante para maioria das usuários.

Se o uso do seu aparelho é muito dependente armazenamento. Aplicativos já instalados de fábrica usam um espaço maior e também pode diminuir o desempenho do aparelho.

Aqui recomendamos que você escolha um smartphone que possua um espaço interno de 32GB ou 64GB.

Você pode até aumentar a memória do dispositivo com cartões MicroSD, mas o armazenamento interno tem um desempenho muito melhor.

Conclusão

Escolheru m smartphone de acordo com nossas necessidades não é fácil. Afinal, as tecnologias estão sem em constante mudança e por isso, precisamos escolher com bastante calma.

Se você gostou do artigo, aproveite e compartilhe com seus amigos. Assim, você ajudará o nosso site a crescer cada vez mais.

Rebaixar carros: Saiba tudo sobre essa prática, se é permitido e como fazer!

Velocidade e estilo são duas palavras que devem andar juntas, principalmente para os apaixonados por carros e que estão sempre buscando novidades para seus possantes. Por isso, rebaixar carros é uma das mudanças escolhidas por quem quer dar uma nova cara ao veículo.

Porém, essa prática ainda é cercada de dúvidas e receios, contrário a acessórios para celta. Portanto iremos esclarecer as perguntas mais comuns no artigo de hoje. Confira!

Afinal, rebaixar carros é permitido?

Essa é a maior dúvida de quem esse desejo, até porque, há alguns anos atrás, o rebaixamento de carros era proibido no Brasil.

Contudo, ao longo dos anos a legislação modificou as normas quanto a esse procedimento e hoje ele é apenas considerado uma alteração nas características originais do veículo, mais especificamente na suspensão.

Sendo assim, rebaixar o carro é permitido, desde que todas as mudanças realizadas estejam dentro dos parâmetros de segurança e com toda documentação e registro das alterações em dia.

Além disso, apenas os seguintes veículos podem ter a suspensão alterada:

  • Camionetas mistas;
  • Caminhonetes de carga e especiais;
  • Utilitários mistos;
  • Automóveis de passageiros.

Qual é o preço para rebaixar o carro?

Como o processo de rebaixamento requer uma mão de obra especializada e a emissão de alguns certificados, taxas e autorizações no Detran, o valor para modificar seu carro pode chegar a até R$ 3.000,00.

As taxas para regularizar o veículo são:

  • Autorização prévia – R$ 17,33;
  • Emissão de CRV – R$ 193,00;
  • CSV (Certificado de Segurança Veicular) – R$ 39,66;

Esses valores são baixos se comparados aos gastos comuns com um carro, por isso, o que mais irá pesar no bolso será a contratação de um mecânico qualificado.

Porém, esse é um investimento que vale a pena para você ficar livre de pontos na carteira, multas e muitas dores de cabeça.

Como rebaixar corretamente?

É muito comum que algumas pessoas apenas cortem as molas do carro para deixá-lo rebaixado. Porém, essa técnica prejudica a suspensão normal do carro, fazendo com que ele fique mais próximo do chão e sofra grandes impactos em vias irregulares.

Além disso, essa prática compromete o conforto e segurança de todos os passageiros.

Portanto, a forma correta de rebaixar carros é:

  1. Busque o Detran da sua cidade e solicite uma autorização prévia;
  2. Verifique quais serão as peças necessárias para o modelo do seu carro;
  3. Em seguida compre um conjunto de molas esportivas e amortecedores especiais;
  4. Procure uma oficina especializada ou profissional e confiança que faça a mudança para você;
  5. Garanta que o carro possui a altura mínima de 48 cm do chão;
  6. Leve o veículo e as notas fiscais das peças utilizadas na troca até um instituto credenciado do Inmetro para que os testes sejam realizados;

Depois de aprovado, é só levar o veículo até o Detran mais próximo e solicitar um novo documento.

Lembrando que também é necessário que o veículo não produza ruídos e poluentes além do limite estabelecido pela lei.

Existem aplicativos para rebaixar carros?

Está com dúvida se seu veículo ficaria estiloso rebaixado? Fique tranquilo!

Hoje graças à tecnologia você pode baixar aplicativos direto no seu celular que simulam a personalização de carros.

Para isso, só é preciso tirar uma foto do seu carro e abrir no aplicativo que funciona como um editor de fotos. Em seguida, o app te mostra uma simulação virtual do rebaixamento e você não precisa mexer em nada no carro para saber como ele ficaria alterado.

O melhor app nesse caso é o Suspension Master que está disponível na Google Play para o Android e pode ser baixado gratuitamente.

Diversos outros aplicativos simulam personalização em outros acessórios também.

Assim, você vai poder visualizar melhor sua ideia e ver se vale a pena personalizar seu carro sem precisar alterá-lo e correr o risco de se arrepender depois.

Ainda restou alguma dúvida sobre os procedimentos? Então deixe seu comentário!